Breve apresentação de Shuriken Jutsu – por Daniel Pires

Este post não pretende ser um extenso tratado sobre shuriken, apenas apresentar estas armas e dar uma breve explicação do seu uso. Pretensiosamente acabar um pouco com a fantasia em torno das “estrelas ninja”.

O que é um Shuriken?

São armas de arremesso divididas – grosso modo – em dois grupo: Semban Shuriken (ou Hira Shuriken) e Bo Shuriken. No primeiro se enquadram as lâminas planas, ou achatadas, com três ou mais pontas, que variam de acordo com a escola (ryuha) ou mesmo idiossincrasia do artesão. Abaixo temos alguns exemplos:

1

(na imagem acima existem dois que não são Semban/Hira Shuriken, são as duas lâminas no canto inferior esquerdo)

2

 

Bo Shuriken, o segundo grupo, são armas de duas pontas, algumas em formato cilindrico (como pregos), quadrado ou ainda achatadas, como facas. Alguns exemplos:

3 4

5 6

 

Usos do Shuriken

Contrariando a senso comum, o a função do shuriken é menos de uma arma mortal – como geralmente é mostrada ou citadas – e mais um instrumento de distração. São armas versáteis, utilizadas para conseguir brechas para um ataque mais letal ou a fuga. Não atingem grandes profundidades, e exigem muito treino para se conseguir uma proficiência que lhe torne realmente perigoso com ela, capaz de atingir, por exemplo, uma artéria ou veia no pescoço durante combate real, onde tudo é mais difícil do que no Dojo.

Alguns dizem que elas eram mergulhadas em veneno, mas especialmente no caso das Semban Shuriken, o risco de se envenenar com sua própria arma é muito grande, não só na hora de arremessar, mas também no transporte, já que são feitas para serem carregadas ocultas, junto ao corpo. Acontecia às vezes do ninja em questão levar o veneno consigo num fracos e aplicá-lo na hora o arremesso, mas é uma situação específica e premeditada.

Uma forma interessante de lutar com Shuriken além de arremessá-las é usá-las ocultas na mão, para furar e cortar, num combate mais próximo. Pessoas de fora costumam nem perceber que você está com uma arma até que vejam sangue.

Daniel Pires Shidoshi

Comments are closed.